Maio 2015

Publicado a 06/05/2015, 07:17 por Vítor Rocha   [ atualizado a 06/05/2015, 07:17 ]
Numa herança havia 35 vacas para dividir por três filhos. Porém, segundo o testamento, o primeiro filho deveria ficar com metade das vacas, o segundo filho deveria ficar com a terça parte das vacas, o terceiro filho com a nona parte das vacas e não poderiam vender qualquer uma delas. Como a metade de 35 vacas é 17,5, a terça parte é aproximadamente 11,7 e a nona parte é aproximadamente 3,9 vacas, ficou difícil os três filhos repartirem a herança, uma vez que não as podiam cortar em partes. Como a partilha assim não era possível, houve uma pessoa que ficou responsável pela divisão e arranjou uma estratégia que facilitou a partilha e onde todos lucraram.

A pessoa responsável pela divisão cedeu mais uma vaca aos três filhos. Assim ficaram com 36 vacas para dividir. Quando fizeram a partilha verificaram que:

- o primeiro filho ficou com metade de 36 vacas (18 vacas);
- o segundo filho ficou com a terça parte das 36 vacas (12 vacas);
- o terceiro filho ficou com a nona parte das 36 vacas (4 vacas).

O responsável pela divisão ficou ainda com as restantes 2 vacas.

Assim, por incrível que pareça, todos ficaram a ganhar. 

Explica como isso foi possível!

Envia a tua resposta por e-mail para paula.mota@aealjezur.pt indicando o teu nome, número, ano e turma (não te esqueças de explicar como resolveste o problema)!